domingo, outubro 10, 2010

Cuco

Pascoal Melilo (14/4/1900 Itararé SP - ?) iniciou a carreira artística em São Paulo no final da década de 1920. Nas décadas de 1930 e 1940, atuou com seu conjunto no Cassino do Parque Balneário Hotel. Ao longo da carreira, além das atuações solo, atuou também com quatro formações diferentes: Pascoal Melilo e Sua Orquestra; Pascoal Melilo e Seu Conjunto; Pascoal Melilo Trio e Pascoal Melilo e Seus Guitarristas.

Contratado pela Copacabana, lançou seus primeiros discos em 1952 tocando acordeom juntamente com seus guitarristas. Em 1953, gravou com seus guitarristas os baiões "Tristonho", "Surpreso", "Precioso", "Ribeirão", "Cuco", "Ciganinha", "Pardal" e "Cacique", todos de sua autoria.

Cuco (baião, 1953) - Pascoal Melilo e Avaré

Título da música: Cuco / Gênero musical: Baião / Intérprete(s) : Melilo, Pascoal / Compositor(es): Melilo, Pascoal / Gravadora Copacabana / Número do lbum 5003 / Data de Gravação 00/1952 / Data de Lançamento 00/1952 / Lado: lado B / Acervo Humberto Franceschi / Rotações: Disco 78 rpm.




Fonte: Dicionário Cravo Albin.

Se te agarro com outro te mato

Se te agarro com outro te mato (1976) - Sidney Magal

Gm              Cm
Se te agarro com outro te mato
                  D              Gm
Te mando algumas flores e depois escapo
      Gm                  Cm
Se te agarro com outro te mato
                 D                Gm
Te mando algumas flores e depois escapo
Cm               Bb
Dizem que sou violento
            D                    Gm
Mas a rocha dura se destrói com o vento
Cm                  Bb
Dizem que é tempo perdido
          Eb                  D7
Mas é só inveja porque estás comigo
 
REFRÃO

Cm                 Bb
Dizem que eu estou errado
             D                  Gm
Mas quem fala isso é quem nunca amou
Cm              Bb
Posso ate ser ciumento
              Eb                 D7
Mas ninguém esquece tudo o que passou
 
REFRÃO

Cm                     Bb
Dizem que eu passei da idade
            D                 Gm
Mas em ti encontro a minha mocidade
Cm                    Bb
Dizem que sou muito antigo
                  Eb               D7
Mas tudo o que eu quero é ficar contigo
 
REFRÃO

Cm            Bb
Fico ate aborrecido
           D                   Gm
Quando telefona para os teus amigos
Cm                   Bb
Quando você não está perto
              Eb               D7
Tudo em minha volta fica tão deserto
 
REFRÃO

Sandra Rosa Madalena


Sandra Rosa Madalena (1979) - Roberto Livi e Miguel Cidrás
Interpretação: Sidney Magal

D7
Quero vê-la sorrir
                  Gm
Quero vê-la cantar
                 D7                   Gm     
Quero ver o seu corpo dançar sem parar

        Cm                       F
Ela é bonita seus cabelos muito negros
        Bb            D7           Gm
E o seu corpo faz meu corpo delirar
       Cm/A                        D7
O seu olhar desperta em mim uma vontade de 
       Gm            D7             Gm
enlouquecer de me perder de me entregar
           Cm                   F
Quando ela dança todo mundo se agita
         Bb          D7         Gm
E o povo grita o seu nome sem parar
      Cm/A                 D7
É a cigana Sandra Rosa Madalena
       Gm              D7       Gm
É a mulher com quem eu vivo a sonhar

                  D7
Quero vê-la sorrir
                  Gm
Quero vê-la cantar
                 D7                   Gm     
Quero ver o seu corpo dançar sem parar
   
          Cm                      F
Dentro de mim mantenho acesa uma chama
          Bb            D7           Gm
Que se inflama se ela está perto de mim
       Cm/A                        D7
Queria ser todas as coisas que ela gosta, Queria 
Gm             D7             Gm
ser o seu princípio e ser seu fim
           Cm                   F
Quando ela dança todo mundo se agita
         Bb          D7         Gm
E o povo grita o seu nome sem parar
      Cm/A                 D7
É a cigana Sandra Rosa Madalena
       Gm              D7       Gm
É a mulher com quem eu vivo a sonhar

                  D7
Quero vê-la sorrir
                  Gm
Quero vê-la cantar
                 D7                   Gm     
Quero ver o seu corpo dançar sem parar

Meu sangue ferve por você

Meu sangue ferve por você (1977) - Sidney Magal

Cm         G
Teu, todo teu
G           Cm
Minha, toda minha
Cm           G
Juntos, essa noite
G                      Cm  G
Quero te dar todo meu amor

Cm           G
Toda, Minha vida
(siiiiimm)
G           Cm   G
Eu, te procurei
(nanananana)
Cm          G                                 Cm  G
Hoje, sou feliz, com você que é tudo o que sonhei

REFRÃO (bis 2x)
: Cm            G
: Ahhhh, eu te amo
: G             Cm       G
: Ahhhh, eu te amo meu amor
: Cm            G
: Ahhhh, eu te amo
: G                         Cm  G
: E o meu sangue ferve por você

Cm            G
Você me enlouquece
G             Cm
Você é o que quero
Cm             G
eu sou, prisioneiro
G                      Cm  G
Prisioneiro desse seu amor

Cm           G
Toda, Minha vida
(sim sim sim sim)
G           Cm
Eu, te procurei
Cm          G                                 Cm  G
Hoje, sou feliz, com você que é tudo o que sonhei

REFRÃO (bis 2x)
: Cm            G
: Ahhhh, eu te amo
: G             Cm       G
: Ahhhh, eu te amo meu amor
: Cm            G
: Ahhhh, eu te amo
: G                         Cm  G
: E o meu sangue ferve por você

Amante latino

Amante latino (1977) - Rabito e Antônio Carlos
Interpretação: Sidney Magal

Lah, lah lah, lah, lah lah, lah, lah lah, lah, lah lah

Sou como você já sabe Amante Latino
Eu gosto das mulheres da noite e do vinho
Mas se você me quiser te levo comigo
E para toda a vida te dou meu abrigo

E assim nos amaremos até sair o sol
E encontrarás comigo o fogo do amor
Sou como você já sabe Amante Latino
Eu gosto das mulheres da noite e do vinho

Levo a vida sorrindo e sempre cantando
Eu não esquento a cabeça e nem fico chorando
E assim nos amaremos até sair o sol
E encontrarás comigo o fogo do amor

Lah, lah lah; lah, lah lah; lah, lah lah; lah, lah lah



Mambo Caçula

Chiquinho do Acordeon
Mambo caçula (mambo, 1952) - Getúlio Macedo e Bené Alexandre

Título da música: Mambo caçula / Gênero musical; Mambo / Intérprete(s): Chiquinho do Acordeom / Compositor(es): Alexandre, Bene - Macedo, Geraldo / Acompanhamento: Orquestra / Gravadora Continental / Número do Álbum 16607 / Data de Gravação 1951-1951 / Data de Lançamento 1952-1952 / Lado: lado A / Acervo Humberto Franceschi / Rotações: Disco 78 rpm.




Baião Caçula

Mário Gennari Filho
Baião caçula (baião,1952) - Mário Gennari Filho

Título da música: Baião caçula / Gênero musical: Baião / Intérprete(s): Gennari Filho, Mário / Compositor(es): Gennari Filho, Mário / Gravadora: Odeon / Número do Álbum: 13194 / Data de Gravação 00/1951 / Data de Lançamento 00/1951 / Lado: lado A / Acervo Humberto Franceschi / Rotações: Disco 78 rpm