quinta-feira, outubro 10, 2013

Cena de cinema

Cena de cinema (1983) - Lobão, Bernardo Vilhena e Marina
Tom: E

Intro: ( E   E7+   E6   E   A )
 
E
Tava queimando no meu carro
              A
a tal da gasolina
               C#m
Do meu lado meu amor me
    F#7
avisou
            A      E      E4     E
Vou sair de ce ... na
 
E
Me deu um beijo na corrida
              A
Correndo ela sumiu
         C#m
Desceu voando a escadaria do
   F#7
metrô
        A        E      E4    E
Cena de cine ... ma
 
A7+      Am       G#m
Lá embaixo  não   tem
    Bm7    Bb7/11+
estrela
 A7+     Am
   É a maior
     G#m    Bm7    Bb7/11+
Ficção
 A7+   Am
  Fico
       G#m    G#9-/7
Alucinado
 F#7
E a luz no fim do túnel
            B7           ( Introdução )
Vem me hipnotizar
 
E
Tava queimando na estrada
                A
Ao sol do meio dia
        C#m                F#7
E , de repente ,  o rádio tocou
         A       E      E4    E
Cena de cine ... ma
 E
Vi meu amor numa lambreta
                A
Com sua capa preta
                  C#m
Passou por mim , a menos
     F#7
de cem
         C#m                F#7
Passou por mim , a menos de cem
         C#m                F#7
Passou por mim , a menos de cem
          A      E     E4    E
E saiu de ce ... na

Casanova

Casanova (1983) - Ritchie e Bernardo Vilhena
Tom: G  

(intro)  G F G F G F C (2x)
         G F C G (2x)

G        C               G F G F G
Boa noite Rainha, como vai?
           C              G F G F
Sou o seu coringa, o seu ás
C         G              F                 C
Luvas de couro, meias de seda brilham ao luar
G                  D
Eu fico mesmo de smoking
 F       C
Vamos dançar!
    F      C      G F G F G F C
Boa noite, como vai?
      G F G F G F C  (G F C G) (2x)
Como vai?
           C           G     F G F G
No meio da noite você chama
               C                 G   F G F
Eu venho como fogo incendiar sua cama
C                       G
Não se afogue em meus beijos
        F                C
Não se afobe, venha devagar
G               D        F       C
E amanhã, eu prometo, eu vou voltar
     F     C   G F G F G F C
Boa noite, meu amor!
F        C          G F G Gb F
A vida é arte do saber
              C              G F G F# F
Quem quiser saber tem que viver
               C          G F G
Trago um mundo novo prá você
Gb F           C
E daí, tudo bem? E você?
      G F G F G F C
Como vai?
          G F G F G F C  (G F C G)
Eh, como vai?
G         F      C         G  F G F G
Os aventureiros entram em cena
           F       C          G F G F
Voando bem alto ao som do planeta
C         G               F                   C
Cavalos alados e seus cavaleiros brincam ao luar
G            D               F       C
Tomando de assalto o dia que vai chegar
          F      C   G F G F G F C
Boa noite, até já!
        G F G F G F C
Ah,até já!...
        G (G F G F G F C) (2x)  (G F C G) (2x)
Ah,até já!...



Caminhos do coração

Caminhos do coração (1983) - Gonzaguinha - Intérprete: Joanna
Tom: D  

D                            D7+
Há muito tempo que eu saí de casa
         D7                     G
Há muito tempo que eu caí na estrada
        C#m7/5-           F#7      Bm
Há muito tempo que eu estou na vida
     Bm/A         E/G#                   A7
Foi assim que eu quis, e assim eu sou feliz

         Em                Em5+
Principalmente por poder voltar
             Em6               A7
A todos os lugares onde já cheguei
           Em               Em5+
Pois lá deixei um prato de comida
                    Em6                    A7
Um abraço amigo, um canto prá dormir e sonhar

       D                 D7+
E aprendi que se depende sempre
           D7               G
De tanta, muita, diferente gente
    C#m7/5-         F#7        Bm
Toda pessoa sempre é as marcas
      Bm/A   E/G#                        A7
Das lições diárias de outras tantas pessoas

          Em                   Em5+
E é tão bonito quando a gente entende
                    Em6                         A7
Que a gente é tanta gente onde quer que a gente vá
          Em                   Em5+
E é tão bonito quando a gente sente
                Em6                         A7
Que nunca está sozinho por mais que pense estar

        D             C            D
É tão bonito quando a gente pisa firme
       C              D      C                  D
Nessas linhas que estão nas palmas de nossas mãos
         G            F#7           Bm
É tão bonito quando a gente vai à vida
     Bm/A         E/G#             A7          D
Nos caminhos onde bate, bem mais forte o coração

       D
E aprendi ...

FINAL:
C       D  C        D
o coração, o coração...

Betty Frígida

Betty Frígida (1983) - Travassos, Ricardo Barreto e Evandro Mesquita - Intérprete: Blitz
Tom: C

Introdução: Dm F G Dm F G 

A Kajadan Filmes apresenta "A estranha 
estória de Roni Rústico e Betty Frígida", 
versão brasileira Aic - São Paulo... 

Dm 
Meu amor não fique assim, não foi sua a minha culpa 
G                      A     
Por favor não mude de cor 
                           Dm 
a gente pode tentar outra vez, a noite é uma criança 
F                      G 
Um pouco de amor não cansa, cansa, cansa, cansa 
               A    C  A Dm 
É que eu sou frígida 
  G                      F          G          Dm 
Frígida, Betty Frígida, rígida eu não consigo relaxar 
  G                      F           G         Dm 
Frígida, Betty Frígida, rígida eu sei que vou conseguir 
                             F F# G        G7 
Calma Betty, calma,            você deve fazer de leve 
Dm                          F F# G            G7 
Calma Betty, calma,            assim você me machuca 
Dm                          F F# G            F   G    F 
Calma Betty, calma,            o Juca já fez isso uma vez 
Dm                  F                         
Meu amor agora já sei, depois de amar como eu te amei 
G                            A 
Ah, eu pensei que sabia tudo mas aprendi tudo essa vez 
Dm                               F 
Ah, o meu beijo te quebrava os dentes 
                          G 
O meu abraço nunca foi quente, quente, quente, quente 
              A          C A G Dm
É que eu sou rústico,                  
  F                     G 
rústico, Roni Rústico, só tenho músculos 
Dm                                
Eu sempre quis te namorar, frígida, 
                G         Dm 
Betty Frígida, rígida, agora eu já consegui 
                         F F# G 
Calma Betty, calma.             
                                      G7 
Hey Betty, vamos tomar um grapette? Sim Roni! 
Dm                        F F# G 
Calma Betty, calma 
                                               G7    
Hey Roni, você viu o que aquele boçal escreveu no jornal? 
Dm                                F F# G 
Oh! Eles não sabem de nós 
                          F      
E os urubus continuam passeando 
                       G       Dm 
a tarde inteira entre os girassóis. 


Banho de cheiro

Banho de cheiro (1983) - Carlos Fernando - Intérprete: Elba Ramalho
Tom: C  

Intro: (Dm7  G7)  C  Am  (Dm7  G7)  
        C  Dm  Em  F  G  A7/5+

                      Dm7
eu quero um banho de cheiro
                      G7
eu quero um banho de lua
            C      Em7/5-
eu quero navegar
   A7         Dm7              
eu quero uma menina
                       G7
que me ensine noite e dia
                 C   Em7/5-
o valor do bê-á-bá
       A7          Dm7         
o bê-á-bá dos seus olhos
                         G7
morena bonita da boca do rio
              Em7/5-     A7     
o bê-á-bá das narinas do rei
               D7/9
o bê-á-bá da Bahia
    
sangrando alegria
         Dm7/9     G7           C   Am              
magia, magia, nos Filhos de Gandhi
                 Dm7
no bê-á-bá dos baianos
                                    G7
que charme bonito, foi o santo que deu
                  F         C    Em7/5-      
no bê-á-bá do Senhor do Bonfim
        A7       D7/9
no bê-á-bá do sertão
                  
sem chover, sem colher
                 Dm7/9
sem comer, sem lazer,
        G7        C
no bê-á-bá do Brasil

Ai que saudade de ocê

Ai que saudade de ocê (1983) - Vital Farias - Intérprete: Vital Farias (LP Sagas Brasileiras, 1982)
Intro: (G C)

G                      C
  Não se admire se um dia
                   G
Um beija-flor invadir
                C
A porta da sua casa
                      G
Te der um beijo e partir
                      B7
Fui eu quem mandei o beijo
             E7        Am
Que é pra matar meu desejo
                      D7
Faz tempo que não te vejo
                   (G  C)
Ai que saudade d'ocê
G                        C
  E se um dia voce se lembrar
                      G
Escreva um carta pra mim
                 C
Bote logo no correio
                      G
Com frases dizendo assim:
                     B7
Faz tempo que não te vejo
         E7        Am
Quero matar meu desejo
                      D7
Te mando um monte de beijo
                    (G  C)
Ai, que saudade sem fim!
G                   C
  E se quiser recordar
                G
Aquele nosso namoro
                 C
Quando eu ia viajar
               G
Você caía no choro
                      B7
E eu chorando pela estrada
          E7                Am
Mas o que é que eu posso fazer?
                   D7
Trabalhar é minha sina
                      (G  C)
E eu gosto mesmo é d'ocê

Adivinha o quê

Adivinha o quê (1983) - Lulu Santos
Tom: F  

(intro)  Dm7  Am7  Gm7  Dm7  Am7

Dm7
Ainda lembro aquela noite
                       Am7
Só porque cheguei mais tarde
     Gm7
Inda arde na lembrança
                          Dm7    Em7
De te ver ali tão contrariada

Dm7
Meu bem, meu bem! Será que você não vê
          Am7
Não houve nada
       Gm7
Só o passado me rondando
                         Dm7   Am7
Minha porta feito alma penada

    Dm7
Você vive me dizendo
                     Am7
Que o pecado mora ao lado
           Gm7
Uh! Por favor não entra nessa
                                Dm7     Em7
Porque um dia ainda te explico direito

    Dm7
Eu sei, eu sei
                             Am7
Que esse caso ta meio mal contado
         Gm7
Mas voce pode ter certeza
                           Dm7   Am7
Nosso amor é quase sempre direito

Porquê...
         Dm7
Eu só faço com você
         C
Eu só quero com você
      Gm                  Bb9
Só gosto com você
     Dm7       Am7  Dm7
Advinha o que

Aconteceu você

Aconteceu você (1983) - Guilherme Arantes - Interpretação: Fafá de Belém
Tom: Dm 

      Dm7   Eb/F  F7 
Aconteceu você
Bb7+           Em5-/7 
Tudo foi tão veloz
        Dm7              Cm7
Nem deu tempo de ouvir a voz
      Bb7+           Em5-/7   A7
Que dizia ao meu coração
        Dm7            Am7
Que não tem aflição maior
         Eb/F   F7       F  
Do que estar perdido de amor
              G
Dessa vez era pra valer
Bb7+ Am7    Gm7    
Desliguei o mundo
       Am7+      Dm7
E mergulhei de cabeça
Bb7+         Am7       Dm7    
Só pra me perder com você...
      Dm7   Eb/F  F7 
Aconteceu você
Bb7+         Em5-/7 
Doce raio de sol
      Dm7              Cm7
Tomou conta do meu quintal
          Bb7+               Em5-/7   A7
Trouxe as cores que eu nunca vi
     Dm7                 Am7
Os sorrisos que eu nunca dei
          Eb/F      F7      
Trouxe um frio na barriga
    F/G       G
Que eu já nem sei...
Bb7+ Am7    Gm7    
Desliguei o mundo 
       Am7+      Dm7
E mergulhei de cabeça
Bb7+         Am7       Dm7    
Só pra me perder com você..

A vida tem dessas coisas

A vida tem dessas coisas (1983) - Ritchie e Bernardo Vilhena
Tom: D  

(intro) Bm  Em  G  D  A7  D  A7

Bm       Em
 Perdi a hora
G            D     A7   D  A7
mas encontrei você aqui
Bm                 Em
 Desde aquela noite
G            D      A7   D  F#7
eu nunca mais me entendi
     G    D         A7  E7
Você levou meu coração
    G       D       A7
Levou o meu olhar
      G    D        A7 E7
Eu sigo cego e infeliz
       G       Bm        A7
Querendo te encontrar

          Bm  Em
Pra conversar
          D   A7
Te convencer
          Bm  Em
Te confessar
        D   A7  F#7
Quero só você

Bm                 Em
 Não esqueci seu nome
G       D         A7  D    A7
o seu rosto, a sua voz
Bm           Em    G
 Outro dia eu te vi
          D      A7   D   F#7
Numa tarde tão veloz

     G      D        A7  E7
Você passou no circular
        G       D      A7
Pela Praia do Leblon
     G   D          A7   E7
Corri atrás, tarde demais
      G    D      A7
Perdi a condição

          Bm  Em
De conversar
          D   A7
De te convencer
         Bm  Em
Te confessar
           D   A7  F#7
Quero só você

G                        A7        E7 A7
 Sei que isso não tem importância
          Em          Bm   Em  Bm
Pra você não faz sentido
G                     A7        E7 A7
 Mas a noite aumenta a distância
            Em             Bm
Me perdi no seu caminho
                Em          Bm
Me encontrei falando sozinho
        Em              Bm
Sigo sempre sem destino
                   A7
Pra te encontrar

Bm  Em  D  A7  Bm  Em  D  A7

         Bm  Em
Pra conversar
         D   A7
Te convencer
         Bm  Em
Te confessar
        D   A7  F#7
Quero só você

Bm              Em      G
 A vida tem dessas coisas
         D        A7    D   A7
Olhe só nos dois aqui
Bm                Em  G
 Presos num elevador
        D      A7       D    F#7
Uma noite sem dormir
G      D      A7   E7
 Zero hora no relógio
    G       D           A7
Legal você está aqui
G        D       A7   E7
 E amanhã pela manhã
    G      Bm       A7
A gente pode sair

        Bm  Em
E conversar
         D   A7
Se convencer
         Bm  Em
Se confessar
         D   A7
Quero só você

          Bm  Em
Pra conversar
         D   A7
Te convencer
        Bm  Em
Te confessar
            D
Quero só você
      A7        Bm  Em  D
Eu quero só você...
      A7        Bm  Em  D
Eu quero só você...
      A7        Bm  Em  D
Eu quero só você...
      A7       Bm  Em  D  Am  Bm
Eu quero só você...