quinta-feira, julho 16, 2015

Minha palhoça

Minha Palhoça (samba, 1935) - J. Cascata

Disco LP / Título da música: Minha palhoça / Autoria: Cascata, J, 1912-1961 (Compositor) / Moreira da Silva (Intérprete) / Imprenta [S.l.]: Imperial, 1966 (reeditado em 1970) / Álbum: Moreira da Silva - Conversa de botequim / Nº Álbum: IMP 30196 (edição de 1970) / Lado A / Faixa 04 / Gênero: Samba de breque /
         D7M           A7             D7M
Mas se você quisesse, morar na minha palhoça
                          A7
 – Lá tem troça e se faz bossa –
     D7M     Eb°                  Em7
Fica lá na roça, à beira de um riachão 
– E à noite tem violão –
F#7                              Bm7
Uma roseira, cobre a banda da varanda e
       B7               E7          Db7
Ao romper da madrugada, vem a passarada, 
              A7
  abençoar nossa união.
   Em                               A7                           
Tem um cavalo, que eu comprei à prestação 
                         D
  e que não estranha a pista 
Tem jornal; lá tem revista.
  D7                            G
Uma Kodak para tirar nossas fotografias 
– Vai ter retrato todo dia –
 Gm                                 D7M
Um papagaio, que eu mandei vir do Pará.
Bm             Em7              A7               D7M
Um aparelho de rádio batata,  e um violão que desacata.
                           E7
Meu Deus do céu que bom seria…
 D7M      A7              D7M
Mas se você quisesse, morar na minha palhoça – 
                       A7
 Lá tem troça e se faz bossa –
    D7M      Eb°               Em7
Fica lá na roça, à beira de um riachão 
– E à noite tem violão –
F#7                            Bm7
Uma roseira, cobre a banda da varanda e 
   B7                   E7
Ao romper da madrugada, vem a passarada
   Db7             A7
   abençoar nossa união.
      Em                           A7
Tem um pomar, que é pequenino, é uma beleza 
                   D
   - É mesmo uma gracinha – Criação, lá tem galinha – 
   D7                                     G
Um rouxinol, que nos acorda ao amanhecer – 
Isso é verdade, podes crer – 
   Gm                       D7M
A patativa quando canta faz chorar,
Bm              Em7            A7             D7M
Há uma fonte na encosta do monte, a cantar – chuá… chuá…

Nenhum comentário:

Postar um comentário