sexta-feira, setembro 14, 2007

Maria, carnaval e cinzas



Maria, carnaval e cinzas (1967) - Luiz Carlos Paraná
E7/9-   Am 
Nasceu Maria, quando a folia 
                          E7 
Perdia a noite, ganhava o dia 
      Dm            E7 
Foi fantasia seu enxoval 
                    Am 
Nasceu Maria no carnaval 
              Dm     G7         C 
E não lhe chamaram assim como tantas 
          Bm5-/7 
Marias de santas 
  E7      Em5-/7 
Marias de flor 
A7      Dm     G7     C 
Seria Maria, Maria somente 
        Bm5-/7     E7      Am 
Maria semente de samba de amor 
          Dm       G7  C 
Não era noite não era dia 
        Dm   G7      C 
Só madrugada só fantasia 
         Bm5-/7 E7   Am 
Só morro samba viva Maria 
           F#m5-/7 B7     Bm5-/7 
Quem sabe a sorte lhe sorriria 
      E7   Dm      G7        C 
E um dia viria de porta-estandarte 
            Bm5-/7    E7   Em5-/7 
Sambando com arte puxando cordões 
       A7    Dm     G7       C 
E em plena folia decerto estaria 
             E7              Am 
Nos olhos e sonhos de mil foliões 
        Am 
Morreu Maria, quando a folia 
                        E7/9- E7 
Na quarta-feira também morria 
          Bm5-/7        E7 
E foi de cinzas seu enxoval 
                   Am 
Viveu apenas um carnaval 
            Dm      G7         C 
Que fosse chamada então como tantas 
           Bm5-/7 
Marias de santas 
  E7      Em5-/7 
Marias de flor 
   A7         Dm     G7     C 
E em vez de Maria, Maria somente 
        Bm5-/7    E7        Am 
Maria semente de samba e de dor 
          Dm      G7   C 
Não era noite não era dia 
          Dm    G7     C 
Somente restos de fantasia 
         Bm5-/7  E7   Am 
Somente cinzas pobre Maria 
         F#m5-/7 B7 Bm5-/7 
Jamais a vida lhe sorriria 
    E7    Dm       G7        C 
E nunca viria de porta-estandarte 
             Bm5-/7 E7       Em5-/7 
Sambando com arte puxando o cordão 
 A7       Dm      G7      C 
E não estaria em plena folia 
              E7             Am 
Nos olhos e sonhos de seus foliões 
         Dm 
E não estaria 
G7         C 
Em plena folia 
F7            E7 
Nos olhos e sonhos 
           Am 
De seus foliões