quarta-feira, novembro 12, 2008

Tem bobo pra tudo



Alcides Gerardi
Tem bobo pra tudo (samba, 1963) - Manoel Brigadeiro e João Correia da Silva

Quem não sabe tocar violão, nem pistom, toca surdo,
Sempre agrada porque nesse mundo tem bobo pra tudo .

Camelô na conversa ele vende algodão por veludo,
Não tem bronca porque nesse mundo tem bobo pra tudo.

A mulher que é bonita consegue o que quer, não me iludo,
E concordo porque nesse mundo tem bobo pra tudo.

Todo mal do sabido é pensar que não é enganado,
Quantas vezes também como bobo já fui apontado.

Tem alguém que é bobo de alguém, apesar do estudo,
Está provado porque nesse mundo tem bobo pra tudo....