terça-feira, março 10, 2009

Bahia de todos os deuses



Carnaval 1969: Salgueiro desfilando
"Bahia de todos os deuses" foi o samba-enredo que deu o título do Carnaval do Rio de Janeiro para o Salgueiro no ano de 1969. Seus compositores foram Bala e Manuel Rosa. Foi reeditado pela Tradição em 2006 e mais tarde seria reeditado pela Viradouro em 2009, mas pelo fato do regulamento daquele ano proibir as reedições, não pode ser apresentado. Foi interpretado originalmente pelos cantores Jair Rodrigues e Elza Soares.

Bahia de todos os deuses (samba-enredo/carnaval, 1969 ) - Bala e Manoel Rosa

Bahia, os meus olhos estão brilhando,
Meu coração palpitando
De tanta felicidade.
És a rainha da beleza universal,
Minha querida Bahia,
Muito antes do Império
Foste a primeira capital.

Preto Velho Benedito já dizia
Felicidade também mora na Bahia,
Tua história, tua glória
Teu nome é tradição,
Bahia do velho mercado
Subida da Conceição.
És tão rica em minerais,
Tens cacau, tens carnaúba,
Famoso jacarandá,
Terra abençoada pelos deuses,
E o petróleo a jorrar

Nega baiana,
Tabuleiro de quindim,
Todo dia ela está
Na igreja do Bonfim, oi
Na ladeira tem, tem capoeira,
Zum, zum, zum,
Zum, zum, zum,
Capoeira mata um ! 


Nenhum comentário:

Postar um comentário