quinta-feira, dezembro 09, 2010

Nazareno de Brito

Nazareno de Brito (Nazareno Fortes de Brito), compositor, nasceu no Rio de Janeiro, RJ, em 26/2/1933, e faleceu na mesma cidade, em 27/8/1981.

Aprendeu noções musicais com o maestro Guerra-Peixe. Sobretudo como letrista, compôs com Fernando César, Othon Russo, Alcir Pires Vermelho, e outros, diversos sambas, foxes e boleros de sucesso na década de 1950.

Sua primeira composição gravada e também grande sucesso foi o fox Neurastênico, em 1954, pelo cantor e guitarrista Betinho, na Copacabana.

Foi diretor artístico de várias gravadoras (Copacabana, Polydor, RGE e Continental) e produtor de shows em televisões paulistas, cariocas e mineiras.

Como produtor, lançou cantores como Jamelão e o primeiro LP de Elis Regina. Ex-combatente da FEB, era major reformado.

Algumas músicas

Acordes que choram
Blim, blem, blam
Encantamento
Joga a rede no mar
Neurastênico
Voz dos sinos

Obra

Acaso (Nazareno de Brito / Othon Russo), Acordes que choram, Adorei milhões (Nazareno de Brito / Newton Ramalho), Blim-blem-blam (Nazareno de Brito / Luís Cláudio), Bronzes e cristais, Casa da vizinha (Nazareno de Brito / Betinho), Coisas do passado, Como é bom recordar (Nazareno de Brito / Gilkyson, Dehr e Miller), Desencontro (Nazareno de Brito / N. Clawell), Eh vento (Nazareno de Brito / Nilva Teixeira), Encantamento (Nazareno de Brito / Othon Russo), Esquecimento (Nazareno de Brito / Fernando César), Eterno vagabundo (Nazareno de Brito / Betinho), Eu preciso de um amor (Nazareno de Brito / Armando Nunes), Eu quero é casar (Nazareno de Brito / Luiz Claudio de Castro), Fica bonzinho (Nazareno de Brito / Newton Ramalho), Foi num trem (Nazareno de Brito / Luiz de Castro), Fuga (Nazareno de Brito / Renato de Oliveira), Homenagem à minha mãe (Nazareno de Brito / Enrico Simonetti), Joga a rede no mar (Nazareno de Brito / Fernando César), Medo da noite (Nazareno de Brito / Fernando César), Meu caso (Nazareno de Brito / Betinho), Neurastênico (Nazareno de Brito / Betinho), Nem fala meu nome (Nazareno de Brito / Luiz de Castro), Paredes tem ouvido (Nazareno de Brito / Newton Ramalho), Podes voltar (Nazareno de Brito / Othon Russo), Pra que falar (Nazareno de Brito / Fernando César), Refúgio (Nazareno de Brito / Newton Ramalho), Ribalta (Nazareno de Brito / Othon Russo e Fernando César), Sabor a mim (Nazareno de Brito / Alvaro Carrilho), Sal e pimenta (Nazareno de Brito / Newton Ramalho), Se eu pudesse ir-me embora (Nazareno de Brito / Ribamar), Seu relógio (Nazareno de Brito / Fernando César), Suave é a noite (Nazareno de Brito / S. Fain e P. F. Webst), Tédio (Nazareno de Brito / Fernando César), Vamos falar de você (Nazareno de Brito / Fernando César), Você passou (Nazareno de Brito / Alcir Pires Vermelho), Vou falar de você (Nazareno de Brito / Betinho).


Fontes: http://www.musicapopular.org/nazareno-de-brito; Enciclopédia da Música Brasileira - Art Editora.