terça-feira, maio 01, 2007

Coração de papel

Magoado por haver brigado com a namorada Ruth, Sérgio Reis dedilhava o violão, enquanto aguardava o almoço, preparado por dona Clara, sua mãe. Como estava demorando, resolveu escrever uma letra, mas logo desistiu da tarefa e, ao jogar fora o papel, comentou para dona Clara: “meu coração está amassado como aquela bola de papel.” De repente, percebendo que a imagem poderia funcionar como motivo para uma canção, retomou o violão e compôs em poucos minutos “Coração de Papel”, terminando-a antes mesmo do almoço ficar pronto.

Dias depois, vindo à sua casa o produtor Tony Campello, em busca de repertório para a dupla Deny e Dino, gostou tanto da composição que acabou sugerindo uma fita demo com o próprio Sérgio, o mais indicado para cantar sua pungente melodia: “Se você pensa que meu coração é de papel / não vá pensando pois não é / ele é igualzinho ao seu / e sofre como eu / por que fazer chorar assim / a quem lhe ama...”

Aprovada por Milton Miranda, diretor da Odeon, “Coração de Papel” foi gravada por Sérgio num compacto duplo, acompanhado pela orquestra de Peruzzi, com o reforço vocal dos Fevers, Golden Boys e Trio Esperança. Apesar de bem executada nas rádios, a composição recebeu um impulso definitivo do Chacrinha, que durante oito semanas ofereceu um prêmio de mil cruzeiros novos ao calouro que melhor a interpretasse.

Com isso deslanchou o sucesso de “Coração de Papel” no Rio de Janeiro, suplantando nas paradas suas maiores rivais, “O Bom Rapaz”, com Wanderley Cardoso, e “Meu Grito”, com Agnaldo Timóteo. Em tempo: teve um happy end o romance de Sérgio e Ruth, com o casamento dos dois (A Canção no Tempo – Vol. 2 – Jairo Severiano e Zuza Homem de Mello – Editora 34).



Coração de papel (canção, 1967) - Sérgio Reis
F                     Am
se você pensa que meu coração   é de papel
D7                     Gm
não vá pensando pois não é
A#
êle é igualzinho ao seu
A#m                 F          Dm
e sofre como eu      porque fazer
A#            C
sofrer assim a quem lhe ama
F                    Am
se você pensa em fazer   chorar a quem lhe quer
D7                     Gm
a quem só pensa em você
A#
um dia sentirá
A#m                      F            Dm
que amar é bom demais     não jogue amor ao léu
A#      C7          F
meu coração que não é de papel
F7 G# A A#        C7
porque fazer chorar
A#         C7
porque fazer sofrer
A#       C7              F
um coração que só lhe quer
F7 G# A A#
o amor é lindo eu sei
BIS            A#m
e todo eu lhe dei
F           Dm
você não quis
A#
jogou ao léu
C7            F
meu coração que não é de papel
Am     A#
não é   ah ah
C7            F
meu coração que não é de papel