quarta-feira, dezembro 01, 2010

Intriga

Marilene Santiago
Intriga (samba-canção, 1962) - Adelino Moreira

Título da música: Intriga /Gênero musical: Samba canção / Intérprete: Marilene Santiago / Compositor: Moreira, Adelino / Gravadora Rca victor / Número do Álbum 802494 / Data de Gravação 23/07/1962 / Lado A / Disco 78 rpm


Não creias, meu amor, nessa intriga
Que ela não procede
É falso, é tudo mentira, é pura invenção
Que orgulho esse teu, meu amor
Que a verdade não cede
Que transforma em granito de pedra
O teu coração

Não deixes que a intriga
Envenene nossa existência
Que segue, de cego
Não vê minha inocência
Sem provas, sem julgamento
Eu não devo ser condenada
Porque até a ré confessa é julgada

Não deixes que a intriga
Envenene nossa existência
Que segue, de cego
Não vê minha inocência
Sem provas, sem julgamento
Eu não devo ser condenada
Porque até a ré confessa é julgada

Nenhum comentário:

Postar um comentário