quarta-feira, dezembro 08, 2010

Januário da Silva Arvelos Filho

 Modinha - séc. XIX
Januário da Silva Arvelos Filho (Rio de Janeiro RJ 1836—id. c.1890-1895), professor, instrumentista e compositor. Filho do arranjador, regente e compositor Januário da Silva Arvelos, desenvolveu igualmente várias atividades musicais.

Ingressou no Conservatório de Música, logo após sua fundação, onde estudou piano e, mais tarde, foi professor.

Em janeiro de 1858 anunciava no Jornal do Comércio, do Rio de Janeiro, um curso noturno de piano e canto para empregados no comércio, baseado num novo método prático “adotado em Paris”. Em 1859 publicou Novo método repentino dos primeiros elementos musicais. Em princípios da década de 1860 dedicou-se também ao comércio e impressão de partituras, constituindo uma firma editora que funcionou até 1869. 

Até 1889 teve seu nome incluído no Almanaque Laemmert como professor de piano. Foi compositor de músicas de salão, principalmente modinhas e lundus. 

Obra

Aceita, ó Lucinha, modinha, s.d.; Ai, meu bem, se te não amo, modinha, s.d.; Cale-se, não diga nada, modinha, s.d.; Cascata de cravos, polca, s.d.; Caso de amor tão fingido, modinha, s.d.; Corcunda não perfila, polca, s.d.; Deixei cabanas, modinha, s.d.; De joelhos (c/Casimiro da Silva), recitativo, s.d.; Dentuça não fecha a boca, polca, s.d.; Donzela, por piedade, modinha, s.d.; Espadelada, modinha, s.d.; Eu amo Elmira, modinha, s.d.; Eu gosto da cor morena, lundu, s.d.; Os femeários (c/A. Batista Tomás de Aquino), recitativo, s.d.; Flor dos moços bonitos, polca, s.d.; Fogo de amor, polca, s.d.; Fuga do Russinho, recitativo, s.d.; Grato mistério, modinha, s.d.; O homem menino, lundu, s.d.; Jovem morena (c/Getúlio de Mendonça), recitativo, s.d.; Lágrimas do voluntário, modinha, s.d.; Lavadeira, lundu, s.d.; O namorado da época, recitativo, s.d.; Nhonhô Fazenda, polca, s.d.; Perfumes e amor (c/Casimiro de Abreu), recitativo, s.d.; Pescador que viveis no rochedo, modinha, s.d.; As priminhas da Marocas, polca, s.d.; Quero existir só por ti, modinha, s.d.; Se és anjo no gesto e beleza, modinha, s.d.; Se eu fora poeta, modinha, s.d.; Se eu pedir, você me dá?, polca, s.d.; Sonhos fagueiros, modinha, s.d. 

Fonte: Enciclopédia da Música Brasileira - Art Editora e PubliFolha.