sábado, janeiro 22, 2011

Alberto Lonato

Alberto Lonato
Alberto Lonato (Alberto Lonato da Silva), compositor e instrumentista, nasceu no Rio de Janeiro, RJ, em 8/11/1909, e faleceu na mesma cidade, em 18/1/1998. Criado no subúrbio carioca de Sapê, hoje Rocha Miranda, desde cedo freqüentou o meio dos sambistas da Mangueira, do morro da Favela, do Largo do Estácio e as festas do Seu Napoleão (pai de Natal da Portela), Nozinho e Vicentina.

Lustrador de profissão, aprendeu a tocar pandeiro observando outros ritmistas.

Por volta de 1929, assistiu às primeiras reuniões para a formação da Portela, em casa da mãe-de-santo Madalena Rica, onde se reuniam diversos músicos; mas só entrou para a escola 11 anos depois.

Sua composição Sofrimento de quem ama saiu em 1972, no LP Portela—passado de glória, da Fermata, e foi regravada três anos mais tarde por Clara Nunes; Não pode ser verdade foi composta em 1971 e Com lealdade foi gravada por Paulinho da Viola em 1989. 

Participou da Velha Guarda da Portela até 1994, quando sofreu um derrame; mas, mesmo assim, continuou participando dos desfiles da escola. 

Obras 

Não pode ser verdade, 1971; Sofrimento de quem ama, 1972. 

Fonte: Enciclopédia da Música Brasileira - Art Editora e Publifolha - 2a. Edição - 1998.