segunda-feira, agosto 01, 2011

Chucho Martinez

Chucho Martinez (Jesús Bojalil Gil) nasceu em 19/12/1917 em Puebla, Puebla, México, e faleceu em 22/5/1988. Era filho de Felipe Bojalil e Carmen Gil de Bojalil. Morou, em sua infância, nas cidades de Misantla e Jalapa, Veracruz, vivendo mais tarde, na América Central, em Cuba e Porto Rico. Também residiu no Canadá e nos EUA.

Iniciou sua carreira artística numa turnê pelo México com o grande maestro Gonzalo Curiel  en 1934. Essa turnê começou em Tampico.

Sua primeira composição foi a valsa Ensoñación. Destacou-se reconhecidamente como compositor e intérprete. Com uma personalidade forte, brilhante moço, muito amistoso e alegre, possuía o dom de ter muitos amigos.

Gostava muito de viajar. Como esporte praticava a natação. Distraia-se nos bailes, num bom filme, e quando tinha oportunidade jogava dominó. Escutava todo o titpo de música, desde popular, clássica ou estrangeira.

Sua composição que obteve maior sucesso foi "Dos arbolitos", porque foi gravada em diversos países por intérpretes estrangeiros famosos. Algumas canções compôs em parceira com Pablo e Carlos Martínez Gil.

Recebeu a medalha Agustín Lara pela "Sociedad de Autores y Compositores de Música (SACM)". O diploma "Honor al Mérito" do Lyons Club de Monterrey, em maio de 1975; diploma "Impactos Musicales Cuervo", por seu trabalho em favor da música mexicana. Placa de Prata de PHAM, pelo seu sucesso que ultrapassou as fronteiras do México.

Foi nomeado filho adotivo de Misantla, em maio de 1975. Diploma de honra ao mérito pela "Sociedad de Autores y Compositores de Música (SACM)", por seus anos de carreira artística, em março de 1984. Também foi homenageado na Venezuela, como um grande compositor..

Possuidor de uma grande voz e ter domínio sobre a própria, era admirado e amado. Quando estudava o canto, em sua juventude, seu professor e maestro o reprovou e lhe aconselhou a abandonar a música.

Sua maior satisfação foi sempre o reconhecimento, o aplauso e o carinho do seu público, tanto para suas composições, como para suas intepretações. Sua vida, se jeito de ser, o define e o considera como um dos homens mais maravilhosos do mundo.

Fonte: Traduzido e adaptado do espanhol - Site: http://www.marielilasagabaster.net/autores.php?id=138.