terça-feira, junho 25, 2013

Osvaldo Silva

Osvaldo Silva - 1953
Osvaldo Silva, cantor, nasceu no Rio de Janeiro, RJ, em 13/02/1920. Inicialmente corretor de imóveis, começou a cantar na Rádio Cultura do Município fluminense de Campos, quando, depois, foi levado pelo "formigão" Ciro Monteiro, para a Rádio Mayrink Veiga.

Estreou em disco em 1953, quando lançou pela gravadora Copacabana os sambas-canção Carnaval, de Luís Soberano e Washington Fernandes, e Quando, de Oscar Bellandi, Chico Anísio e Wilson Silva, com acompanhamento de orquestra.

No ano seguinte, também pela Copacabana, gravou a marcha Maria Pirua, de Geraldo Queiroz, Dantas Ruas e Gildo Pinheiro, e o samba Vida incerta, de Arnô Provenzano, Gildo Pinheiro e J. Reis.

Em 1955, contratado pela gravadora Columbia, lançou disco com o tango A toca do José, de R. Adler, J. Ross e Ghiaroni, e o samba-canção Ela vai voltar, de Armando Nunes e Cícero Nunes. Nesse ano, sua gravação do tango A toca do José foi incluída no LP Meus favoritos - Vol. 3 da gravadora Columbia.

Em 1956, assinou contrato com a Organização Victor Costa para atuar nas Rádios Nacional do Rio e de São Paulo, além das Rádios Mayrink Veiga e Mundial.

Em 1957, foi contratado pela gravadora pernambucana Mocambo e no disco de estreia gravou a marcha Velho Rio, de Paulo Serpa e Jorge da Costa, e o samba Lágrima sentida, de J. Piedade, Flora Matos e Arnô Canegal.

Em 1960, gravou pelo pequeno selo Lord o samba Obrigado, de Paulo Marquese J. Ferreira, e o samba-canção Minha súplica, de Adelino Moreira. No ano seguinte, lançou pelo selo Santa Anita a marcha Tirrim, tirrim e o samba Couro de cabrito, da dupla Santos Garcia e Aldacir Louro.

Em 1962, gravou o samba Senhor, de J. G. Ricoca e Alice Queirós, e a marcha Não me chamo Antônio, de Campos, Cabuçu, Alice Queirós e A. Guedes, em disco do selo Serenata.

Gravou discos pelas gravadoras Copacabana, Columbia e Mocambo, e teve seu melhor momento na carreira em meados da década de 1950 quando assinou contratado com várias emissoras de Rádio, passando a ser ouvido e reconhecido, embora por pouco tempo e sem consolidação definitiva.

Playlist






Discografia


1953 Carnaval/Quando • Copacabana • 78
1954 Maria Pirua/Vida incerta • Copacabana • 78
1955 A toca do José/Ela vai voltar • Columbia • 78
1957 Velho Rio/Lágrima sentida • Mocambo • 78
1960 Obrigado/Minha súplica • Lord • 78
1961 Tirrim, tirrim/Couro de cabrito • Santa Anita • 78
1962 Senhor/Não me chamo Antônio • Serenata • 78

_____________________________________________________________
Fontes: Revista do Rádio; Dicionário da MPB.