terça-feira, julho 09, 2013

Glorinha Caldas

Glorinha Caldas (Glória Caldas), cantora, compositora e escritora, nasceu em Niterói, RJ, em 1910, e faleceu no Rio de Janeiro, RJ, em 06/12/1937. Desde criança se interessou pelo canto. Teve aulas de canto no colégio de freiras onde estudou.

De curta carreira artística, fez sua primeira apresentação em 1934 na Rádio Educadora, em programas de calouros. Fez também apresentações em festivais em casas de particulares e também no Teatro.

Em 1935, foi convidada a integrar o elenco da Rádio Ipanema recém inaugurada, passando pouco depois a atuar na Rádio Guanabara. Foi escolhida como cantora revelação. No mesmo ano, apresentou-se na Rádio Tupi do Rio de Janeiro.

Afastou-se do meio artístico por alguns meses, retornando em 1936 quando estreou no microfone da Rádio Sociedade do Rio de Janeiro. Foi em seguida contratada pela Rádio Cajuti na qual tomou parte num dos mais famosos programas da radiofonia carioca: "Samba e outras coisas", apresentado por Marília Batista e seus irmãos Henrique e Renato Batista.

Nesse programa, chegou a fazer dupla com Marília que criava músicas e ela letras apresentadas na programação. Num dos programas "Samba e outras coisas" interpretou o samba Hei de ver você chorar, de sua autoria.

Ainda no final de 1936, transferiu-se da Rádio Cajuti para a Rádio Mayrink Veiga. Na mesma época, tomou parte do espetáculo "A noite do Rádio" da qual participaram, entre outros, Odete Amaral, Moreira da Silva e Herivelto Martins.

No carnaval de 1937, apresentou-se no cordão do High Life Clube que costumava contar com o concurso de cantoras e cantoras.

Pouco depois se afastou das atividades artísticas devido a uma grave doença vindo a falecer precocemente antes do final do ano sem ter tido tempo de fazer nenhum registro fonográfico.

Obra


Hei de ver você chorar

___________________________________________________________
Fonte: Dicionário Cravo Albin da MPB; Revista "O Malho", de 23/12/1937

Nenhum comentário:

Postar um comentário