domingo, julho 07, 2013

A crise de habitações no carnaval

Aqui estão os Quatro Ases e Um Coringa, intérpretes da marcha de Peterpan e Afonso Teixeira, "Marcha do Caracol". Afonso tem em sua bagagem uma série de sucessos musicais que o credenciaram a figurar no meio dos mais aplaudidos compositores populares (Revista do Rádio/1951)


Marcha do Caracol (marcha/carnaval, 1951) - Peterpan e Afonso Teixeira - Interpretação: 4 Ases e 1 Coringa



Gravada em disco RCA, a "Marcha do Caracol" ataca em cheio o problema da crise de habitações e faz, nas "entrelinhas" uma charge com os adeptos das residências pré-fabricadas. Eis a letra da interessante composição:

I

Há quanto tempo
Não tenho onde morar
Se é chuva, apanho chuva!
Se é sol, apanho sol
Francamente
Pra viver nessa agonia
Eu preferia
Ter nascido um caracol...

II

Levava minha casa
Nas costas, muito bem
Não pagava aluguel
Nem luvas a ninguém!
Morava um dia "aqui"
Um outro, "acolá"
Leblon, Copacabana
Madureira ou Irajá!...


_____________________________________________________________________
Fonte: Revista do Rádio, Fevereiro/1951.