segunda-feira, maio 02, 2011

Azarias Dias de Mello

Azarias Dias de Mello, regente, músico e professor, nasceu em Sorocaba, SP, em 1840 (não está comprovado), e faleceu na cidade de Campinas, SP, em 18/11/1912. Chegou a Campinas em 1863 vindo de Amparo, SP, a pedido de Manuel José Gomes para integrar sua orquestra e banda. Havia sido mestre-de-capela e regente da banda da Guarda Nacional em Sorocaba e regente de uma companhia eqüestre.

Em Campinas, sua atividade esteve mais ligada às bandas de música, tendo criado diversos grupos. Como professor, além das aulas particulares, lecionou na escola Culto à Ciência, onde dirigia a banda da escola, para a qual compôs um hino; ensinou música a meninos carentes que formaram a banda Euterpe Infantil em 1877.

Tocava e ensinava vários instrumentos, mas dava especial atenção ao oficlide e instrumentos de metal.

Além do trabalho intenso com a Banda do Azarias, fundou o Clube Dois de Outubro, que promovia saraus trimestrais em sua casa.

Em 1887, os membros de sua banda fundaram o Clube Azarias de Mello a fim de promover reuniões musicais. Em Valinhos SP dirigiu a banda da Associação Jurema em 1877. Em 1889, em homenagem a seu mérito artístico, foi organizada uma corporação musical com seu nome, dirigida pelo maestro Manuel da Costa Roriz.

Teve intensa participação, como músico, nos movimentos políticos da Abolição e da República.

Seu nome está destacado na Capela do Santíssimo da Catedral Metropolitana de Campinas como um dos beneméritos, por sua atuação durante a epidemia de febre amarela que vitimou a cidade em 1888.

Fontes: Personagem: Azarias Dias de Mello - Memória Campinas - Enciclopédia da Música Brasileira - Art Editora.