terça-feira, fevereiro 22, 2011

Geraldo Medeiros

Medeiros e sua Orquestra Brasil
Geraldo Medeiros (Geraldo Medeiros dos Santos), instrumentista, compositor e arranjador, nasceu em Areia, PB, em 28/11/1917, e faleceu no Rio de Janeiro, RJ, em 13/7/1978. Neto de um maestro de banda em Guarabira PB, iniciou os estudos musicais com Pedro Rodrigues, continuando-os mais tarde com o avô.

Em 1938 era maestro da banda da Escola Correcional de Pindobal, em Mamanguape PB. Transferindo-se para João Pessoa PB, integrou como pistonista a Jazz Tabajara, na Rádio Tabajara, de João Pessoa, passando a primeiro pistonista, quando o maestro Severino Araújo assumiu o comando da Jazz, a partir daí chamada Severino Araújo e sua Orquestra Tabajara.

Em 1944 foi para o Rio de Janeiro, estreando com a Orquestra Tabajara na Rádio Tupi em janeiro de 1945. Com a orquestra teve sua primeira música gravada, Zé Carioca no frevo (reprodução logo após o final deste artigo). 

Trabalhou também com a orquestra de Ary Barroso, viajando pela Europa e América Latina. Como compositor destacou-se com Maracatucá (com Jorge Tavares), O sanfoneiro só tocava isso (com Haroldo Lobo), Bum qui ti bum, Pé na tábua, Maxixando (c/Carvalhinho) e outras. 

Trabalhou como pistonista em diversas emissoras de rádio e televisão e em estúdios, acompanhando gravações de inúmeros artistas. 

Fonte: Enciclopédia da Música Brasileira - Art Editora e Publifolha.

2 comentários:

Anônimo disse...

Saiba mais sobre Geraldo Medeiros lendo o livro de Carlos Coraúcci - Orquestra Tabajara de Severino Araújo - Editora Nacional - lançado em dezembro de 2009

Anna Amorim disse...

Gostaria de saber, pq não se tem muitas fotos de Geraldo Medeiros? Alias sempre estou fazendo buscas pela internet pra ver se encontro.

Postar um comentário