terça-feira, fevereiro 22, 2011

José Joaquim de Mendanha

Jose J. Mendanha - 1880
José Joaquim de Mendanha, compositor e cantor, nasceu em Vila Rica de Albuquerque (atual Ouro Preto), MG, em 1801, e faleceu na cidade de Porto Alegre, RS, em 2/9/1885. Vindo de Minas Gerais para o Rio de Janeiro RJ, em 1821 integrava o grupo de dissidentes da Irmandade de Santa Cecília, que reivindicava a fundação da mesma irmandade na freguesia de São João de Icaraí da Vila Real da Praia Grande (atual Niterói) RJ. 

Em 1837 fazia parte do coro da Capela Imperial como cantor falsetista. No mesmo ano foi para o Rio Grande do Sul, como mestre da banda do Segundo Batalhão de Caçadores da primeira linha, durante a Guerra dos Farrapos.

Dois anos depois, a 30 de abril, caiu prisioneiro dos revolucionários. No ano seguinte, voltou a integrar as forças do governo. Tendo-se filiado à luta dos rebeldes de Piratini, compôs o Hino Farroupilha, hoje Hino Oficial do Estado do Rio Grande do Sul.

Em 1844, radicado em Porto Alegre, passou a atuar como incentivador da vida artística local, tendo inclusive divulgado obras do padre José Maurício Nunes Garcia. Com sua experiência de música religiosa e instrumental, dirigiu uma banda e uma orquestra.

Em 1856 fundou a Sociedade Musical Porto-Alegrense. A 27 de junho de 1858 regeu a orquestra no concerto de inauguração do Teatro São Pedro, de Porto Alegre.

Fonte: Enciclopédia da Música Brasileira - Art Editora e Publifolha.

Um comentário:

José CS Vidal disse...

O nome do homem era Joaquim José de Mendanha.

Postar um comentário