quinta-feira, dezembro 23, 2010

Eneida


Eneida (Eneida Costa de Morais), jornalista e escritora, nasceiu em Belém, PA, em 23/10/1904, e faleceu no Rio de Janeiro, RJ, em 27/4/1971. Com apenas 15 anos, foi secretária da revista literária A Semana, em Belém, e em 1929 lançou o livro de versos Terra verde.

No mesmo ano, foi para o Rio de Janeiro, onde se radicou, tendo trabalhado em vários jornais cariocas (inclusive A Manhã, do barão de Itararé), fixando-se como cronista do Diário de Notícias, da década de 1950 até a morte.

Conhecida como a maior foliã do Carnaval da cidade, criou o famoso Baile do Pierrô, realizado todos os anos em boates de Copacabana, aos quais compareciam os maiores artistas plásticos, escritores e cantores, todos fantasiados de pierrô. 

Em 1958 lançou no Rio de Janeiro o livro História do Carnaval carioca e mais tarde participou de júris nos desfiles de escolas de samba. 

Em 1965 desfilou na ala dos pierrôs do G.R.E.S. Acadêmicos do Salgueiro, quando este venceu o desfile de escolas de samba do Carnaval carioca, com o enredo A História do Carnaval Carioca, tirado de seu livro.

Autora de livros de contos e de crônicas, tornou-se responsável pelo relançamento de antiga cantora de auditório da Rádio Nacional, Marlene, quando escreveu e apresentou o show Carnavália (que reunia ainda os cantores Blecaute e Nuno Roland), encenado no Teatro Casa Grande, do Rio de Janeiro, e produzido por Sidney Miller e Paulo Afonso Grisolli, em 1968. 

Em 1973, o Salgueiro apresentou enredo homenageando a escritora.

Fonte: Enciclopédia da Música Brasileira - Art Editora e Publifolha - 2a. Edição - 1998.