domingo, outubro 06, 2013

Mulher nova, bonita e carinhosa faz o homem gemer sem sentir dor

Amelinha (Amélia Claudia Garcia Colares) deixou o Ceará em 1970 para estudar comunicação em São Paulo. A carreira de cantora começou de maneira amadora, participando de shows do amigo e conterrâneo Fagner. Em 1974, decidida a seguir na música, passou a aparecer em programas de TV.

No ano seguinte, fez uma temporada em Punta del Leste, acompanhando Toquinho e Vinicius de Moraes, quando o Poetinha compôs para ela "Ah! Quem me Dera". Ao lançar o disco Flor da Paisagem (1977), produzido por Fagner, começou a ser apontada como a revelação nordestina ou "a Gal Costa do Ceará" (Fonte: Claudio Santana no Youtube).  

Mulher nova, bonita e carinhosa faz o homem gemer sem sentir dor (1982) - Zé Ramalho e Otacílio Batista - Intérprete: Amelinha
Tom: C

    C         C7         F     
Numa luta de gregos e troianos   
   Fm                       C 
 por Helena a mulher de Menelau 
                                  G   
Conta a história que um cavalo de pau   
   F                       C         Am    C   Am
 terminava uma guerra de dez anos 
   C      C7             F        Fm                      C
Menelau o maior dos espartanos   venceu Paris o grande sedutor 
                        G            F                    C
Humilhando a família de Heitor   em defesa da honra caprichosa 
                       G       
Mulher nova bonita e carinhosa   
         F                     C    C7  F  Fm  C  Am  C    Am
 faz um homem gemer sem sentir dor 

    C              C7           F                Fm         C 
Alexandre figura desumana   fundador da famosa Alexandria 
                            G       
Conquistava na Grécia e destruía   
    F                    C          Am   C    Am
 quase toda a população Tebana 
  C        C7          F         Fm                    C 
A beleza atrativa de Roxana   dominava o maior conquistador 
                G          F      
E depois de vencê-la,  o vencedor   
                                C
 entregou-se à pagã mais que formosa 
                         G      
Mulher nova bonita e carinhosa   
    F                            C   C7  F   Fm  C  Am  C   Am 
  faz um homem gemer sem sentir dor 

    C                       C7     
A mulher tem na face dois brilhantes                   
           F                Fm     C 
 condutores fiéis do seu destino 
                               C7    
Quem não ama um sorriso feminino, 
     F                     Fm        C    Am    C     Am
 desconhece a poesia de Cervantes 
  C                  C7           
A bravura dos grandes navegantes 
       F                    Fm         C
 enfrentando a procela em seu furor 
                         G                F               C
Se não fosse a mulher, mimosa flor, a História seria mentirosa 
                        G       
Mulher nova bonita e carinhosa 
  F                             C    C7  F  Fm  C  Am  C   Am
 faz um homem gemer sem sentir dor 
            C7           F    
Virgulino Ferreira, o Lampião, 
     Fm                      C
  bandoleiro das terras nordestinas
                         G   
Sem temer a perigo nem ruína 
         F                    C     Am  C    Am
  foi o rei do cangaço do sertão
 C            C7         F       Fm                  C
Mas um dia sentiu no coração o feitiço atrativo do amor
                     G         F                   C
A mulata da terra do condor dominava uma fera perigosa
                         G       
Mulher nova bonita e carinhosa
  F                             C 
 faz um homem gemer sem sentir dor 



Nenhum comentário:

Postar um comentário