quinta-feira, janeiro 20, 2011

Na Mourato

Língua de Trapo

Na Mourato (1998) - Laerte Sarrumor e Carlos Melo

Como tem teen
Como tem teen, oi, oi , oi, oi, oi, iô
Com tem teen
Com tem teen na Mourato

O arquiteto que só falava em Bauhaus
E que tava sempre maus
Muito louco de barato
Fez um projeto lá pro Governo do Estado
Foi pro secretariado
Virou um grande chato
O militante, o maior dos trotskistas
Sumiu e não deixou pistas
Parece que foi pro mato
Mas há quem diga que um dia ele foi visto
Numa Assembléia de Cristo
Fica registrado o fato

Refrão

O cineasta, pós-graduado na ECA
E que da Cinemateca
Era um verdadeiro rato
Hoje é da Globo, amigo da Fallabela
Dirige telenovela
Até já assinou contrato
E agora eu, que vivia no Sujinho
Só na pinga com caldinho
Me incluo no relato
Mudei da Vila, nunca mais quis ser odara
Leio escondido a Caras
Levo os filhos na Mourato

Refrão

Eu sempre fui da Vila um cidadão respeitado
Hoje eu fico na fila do Santa Casa e sou barrado